27 de abril de 2016

7 dúvidas sobre o problema do mau hálito

Especialista da Clínica Rideto fala ao blog e esclarece questões sobre a halitose

 

post_imageVocê já ouviu falar de halitose? O nome pode soar estranho, mas é também conhecido como mau hálito e, apesar de não ser considerado doença, afeta muitos adultos, segundo a instituição American Dental Association. A profissional dentista da Clínica Rideto Samantha Cardoso fala ao blog sobre dúvidas a respeito desse odor, que também incomoda crianças e idosos.

Na entrevista, a especialista diz que a halitose pode ser mais comum na vida de fumantes e de pessoas que ingerem alimentos e bebidas como a cebola e o café. Descubra também qual a melhor maneira para evitar o odor na região da boca e como identificar os sintomas do mau hálito.

Halitose é uma doença?

Halitose é um sintoma, conhecido como um odor desagradável eliminado através da cavidade oral, que pode ser crônico ou momentâneo, conhecido por ser um importante problema social.

O mau hálito é mais comum entre adultos ou jovens?

Mais comum em adultos, porém também afeta jovens e idosos. A halitose crônica, segundo a American Dental Association, afeta cerca de 50% dos adultos.

A halitose tem a ver com o consumo de alimentos?

Pode estar relacionada à ingestão de cebola, alho e café. Durante a digestão, os alimentos produzem odores que ao cair na corrente sanguínea vão para os pulmões e podem ser eliminados durante a respiração e a fala.

Pessoas fumantes têm mais chance de ter mau hálito?

Fumantes têm mais chances de desenvolver halitose, pelo problema também estar associado à diminuição da salivação desse tipo de paciente, além de que fumantes têm maior probabilidade de acumular tártaro na superfície dos dentes.

Quais são os sintomas da halitose?

A halitose é um sintoma que pode estar associado à má higiene oral e à presença de bactérias na cavidade oral, à doença periodontal, à sinusite, bronquite crônica, caseos amigdalianos, diabetes, refluxo gastroesofágico e outras condições sistêmicas, que só através de uma completa anamnese e de exames complementares poderá nos dar o correto diagnóstico.

Qual a prevenção contra o mau hálito?

A prevenção da halitose está intimamente relacionada a uma boa e regular escovação, uso do fio dental, escovação correta da língua, ingestão de bastante água, limpeza das próteses dentárias e o não uso do cigarro.

Qual é o tratamento para quem tem halitose?

O tratamento da halitose vai variar dependendo da causa primária. O tratamento é voltado para a cura da condição que irá causar a halitose.

Comentários deste post